Bad de maconha: O que fazer e porque é tão comum? - Nowdays
Cannabis A a Z
Cannabis A a Z

Maconha me deu bad, e agora? 

No Cannabis A a Z de hoje, vamos te ajudar a enfrentar aquela brisa errada que a maconha pode causar em alguns. O que fazer e como evitar? Vem com a gente!
by Michelle, Aug 10, 2021
0 comments.

Um dos pedidos que mais rolam na nossa DM do Instagram é um post sobre a temida bad de maconha. Afinal, o que fazer quando bate aquela brisa errada, sensação de paranóia e coração acelerado depois de ingerir maconha? No Cannabis de A a Z de hoje vamos mergulhar nesse assunto. 

A gente fala muito sobre a maconha como ferramenta de bem-estar, né? E a busca por uma vida mais equilibrada também significa reconhecer quando algo não te faz bem. Pra isso, informação é o caminho! Bora entender porque a bad de maconha acontece e como evitá-la?

Wellness: A Missão impossível –  leia aqui

Por que a maconha pode dar bad?

Não importa se você é maconheiro há anos ou se é a sua primeira vez. A bad causada pela maconha pode acontecer com todo mundo e é super comum. Mas, por quê?

Se você acompanha a Nowdays, sabe que já foram identificados mais de 100 canabinóides nas muitas variedades da planta da maconha, e também que nós temos no nosso corpo o sistema endocanabinóide, que tem receptores compatíveis com os canabinóides da maconha.

O que rola é que o THC,  que é o responsável pela brisa, chapância ou como quiser chamar, pode causar efeitos bem diferentes do que o que estávamos esperando. Quando você super estimula os receptores com uma dose maior de THC do que você está pronto pra absorver, as sensações da bad podem aparecer.

Assim como com o álcool, açúcar ou cafeína, as pessoas têm diferentes reações com certas substâncias. Cada um tem seu limite e sensibilidade. A mesma coisa pro THC!

Se o seu limite pessoal for ultrapassado, o que estava divertido num primeiro momento, pode se transformar numa situação chata e desagradável.

Além da dose exagerada, o lugar em que se está, as companhias e o seu momento mental e físico também influenciam muito nas experiências, sejam boas ou ruins.

Quais os ‘sintomas’ da bad?

bad maconha paranoiaA bad é aquela experiência meio estranha, desconfortável, que pode incluir sensações de paranóia, ou de estar sendo observado. Muitas vezes são desencadeadas crises de ansiedade ou ataques de pânico, com coração acelerado, tremedeira nas mãos, mal estar, ânsia e até vômitos ou desmaios.

O difícil é que o proibicionismo priva a gente de saber o que estamos ingerindo, né? Então fica difícil dosar as substâncias no nosso corpo. Isso sem falar do que a gente fuma no prensado sem saber… Mas, calma! Sem desespero. 

Vamos te dar dicas do que fazer pra passar por ela de uma forma menos traumática. O importante é sempre lembrar que vai passar

Me deu bad, e agora?

Tente manter a calma, é o primeiro de tudo! Dá aquela respirada profunda e mantenha em mente que esse momento ruim vai passar. Colocar uma música tranquilinha, tomar um copão de água ou até sair para tomar ar fresco podem ajudar bastante.

Se estiver se sentindo ansioso, uma caminhada ou alongamentos corporais também podem funcionar como distração. O lance também pode ser chamar algum amigo que você confia. Às vezes, essas pequenas mudanças de ares e companhias podem te trazer de volta a brisa gostosa que você estava esperando ter. 

Caso você tenha acesso a um óleo de CBD, ele também tem o poder de amenizar os efeitos do THC, e dar aquela acalmada nos ânimos. Outro truque é dar aquela fungada num punhado de pimenta do reino ou limão. O cheirinho deles tem efeitos calmantes, também.

Não deu certo ainda? Que tal um banho revigorante ou outras atividades que te ajudem a distrair sua mente? Se você tem um bichinho de estimação, corre pra abraçar ele! Gostoso demais e eles passam a sensação de que vai ficar tudo bem – e vai! 

Como evitar a bad de maconha?

Se você não está acostumado, vá devagar! No caso dos comestíveis, como demoram mais pra serem digeridos e baterem, é importante esperar o tempo necessário antes de comer mais. No caso de baseados, a mesma coisa. Se é algo que você nunca fumou ou vaporizou, como um concentrado, segura a boca! Sério, dá um trago por vez, vê como bate. 

Mas, além disso, fizemos uma lista com mais dicas para evitar a temida bad de maconha:

  • Tente saber o que está consumindo (no Brasil é difícil, a gente sabe…);
  • Escolha bem o local e as companhias, não só da hora do beck, mas também depois. Se a ideia de estar chapado no trabalho te dá calafrios, muito provavelmente você vai sentir a sensação de paranóia se fumar antes de ir trampar ou encontrar parentes que você não curte muito;
  • Fumou ou comeu seu edible sentado ou deitado? Não levante rápido, de uma vez, que sua pressão pode cair, e você também;
  • Tenha por perto uma bela garrafa de água e comidinhas salgadas pra se a pressão abaixar;
  • Tente não ingerir maconha de estômago vazio;
  • Crie ou encontre uma playlist de músicas bem tranquilas e calmantes;
  • Se você já tá na bad antes de ingerir a maconha, a tendência é que ela piore quando estiver chapado. É importante estar se sentindo bem emocionalmente! 

Ficou alguma dúvida? Manda pra gente, por DM, e-mail ou sinal de fumaça! Hehehe…

Alguns conteúdos que podem te interessar:

Comentários

Comentar

more from nowdays

background-basic